Libertadores de 1999: a América do Sul foi pintada de verde!

Veja como foi todo o caminho do Palmeiras até o título da Libertadores em 1999

Resultado de imagem para Palmeiras Libertadores de 1999
Foto: Divulgação/Palmeiras

A Libertadores de 1999 foi mágica para a Sociedade Esportiva Palmeiras. O Verdão, que jamais havia conquistado a competição, teve uma campanha de 7 vitórias, dois empates e 5 derrotas, que resultou no primeiro título da competição.

Relembre o caminho do Verdão até o título!

Presente no grupo 3 da Libertadores de 1999, ao lado do maior rival, o Corinthians, o Cerro Porteño e o Olímpia, o Verdão começou bem, vencendo o Timão por 1 a 0, com gol de Arce.

Na segunda rodada, mesmo fora de casa, o Palmeiras goleou o Cerro por 5 a 2, com gols de Evair, Cléber, Oséis e dois de Júnior Baiano. Na terceira e quarta rodada o adversário foi o Olímpia, e vieram os primeiros tropeços. Derrota por 4 a 2 no Paraguai e empate por 1 a 1 no Palestra Itália.

Resultado de imagem para Palmeiras Libertadores de 1999
Foto: Reprodução/Youtube

Na 5ª rodada, nova derrota, dessa vez para o Corinthians fora de casa por 2 a 1. Porém, no encerramento da primeira fase o Verdão fez as pazes com a vitória, levando a melhor diante do Cerro mais uma vez, 2 a 1.

Com 10 pontos, o Palmeiras avançou na segunda posição do Grupo 3 da Libertadores de 1999, e o adversário das oitavas de finais era uma equipe conhecida, o Vasco da Gama.

Na ida, jogando em casa, o Verdão assustou a sua torcida ao ficar no empate por 1 a 1. Mas no duelo de volta, no Rio de Janeiro, o meia Alex anotou 3 gols e guiou o Palmeiras rumo a vitória por 4 a 2.

Nas quartas de final da competição, mas uma equipe brasileira, novamente o Corinthians. E na ida quem se deu bem foi o Verdão, vencendo por 2 a 0 com gols de Rogério e Oséas. Porém, no Pacaembu o Timão respondeu na mesma moeda, levando a decisão para os pênaltis.

E nos penais, melhor para o Verdão, que viu o goleiro Marcos brilhar e defender a cobrança de Vampeta, levando a equipe para a semifinal, onde o adversário era o River Plate.

Jogando na Argentina, o Palmeiras acabou sendo derrotado por 1 a 0, obrigando o clube a vencer por dois gols na volta. E foi o que aconteceu. Roque Júnior e Alex anotaram os gols da vitória do Palmeiras que garantiu a vaga na grande final.

Na grande decisão da Libertadores de 1999, o destino colocou frente a frente Palmeiras e Deportivo Cali. E no primeiro jogo, na Colômbia, vitória dos mandantes por 1 a 0. Na volta, Evair e Oséas anotaram os gols do Palmeiras, mas Zapata levou a decisão para os pênaltis.

Logo na primeira cobrança, Zinho perdeu pelo lado brasileiro. Mas o Palmeiras tinha São Marcos, que raspou na bola de Bedoya, que ainda explodiu no travessão. E então Zapata, o homem que levou a decisão para os pênaltis, foi para a bola e isolou. Palmeiras campeão da Libertadores de 1999.

Resultado de imagem para Palmeiras Libertadores de 1999
Foto: UOL

Time base: Marcos; Arce, Júnior Baiano, Roque Júnior e Júnior; César Sampaio, Rogério, Alex e Zinho; Paulo Nunes e Oséas. Treinador: Felipão.