Santos: confira algumas curiosidades sobre o Peixe

Com mais de 100 anos de história, o Santos apresenta algumas curiosidades bem interessantes, confira

Resultado de imagem para Santos

O Santos Futebol Clube foi fundado no mesmo dia que o navio Titanic afundou, matando mais de 1500 pessoas: 14 de abril de 1912.

O primeiro uniforme do Santos não era nas cores tradicionais de hoje (preto e branco), mas sim dourado e azul com o branco em listras verticais.

O primeiro presidente do Santos foi Sizino Patusca, que tinha na época como vice Geroge Cox, e como secretários José Martins e Raul Dantas.

O primeiro jogo do Santos foi em 23 de junho de 1912, contra um combinado local. O Peixe venceu por 2 a 1, contando com gols de Geraule Ribeiro e Anacleto Ferramenta.

O Santos foi o primeiro clube na história a fazer 100 gols em uma única edição do Campeonato Paulista, sendo em 1927. Apenas o Palmeiras, em 1996, repetiu o feito.

A Seleção Brasileira na Copa do Mundo de 1962 contou com 7 jogadores do Santos.

O milésimo gol de Pelé, o rei do futebol, ocorreu em um duelo entre Santos e Vasco, no ano de 1969, no Estádio Maracanã.

Santos
Foto: Veja

Com Pelé em campo o Peixe conquistou 45 títulos, o que é equivalente a mais de 50% do número de conquistas de sua história.

A década de 60 foi mágica para o Santos, que conquistou 22 títulos. O mais impressionante é que de 61 a 63 foram 9 títulos.

O Estádio do Peixe é o Urbano Caldeira, popularmente conhecido como Vila Belmiro pelo bairro em que está localizado. Ele tem capacidade para cerca de 16 mil pessoas.

A equipe já participou do Campeonato Paulista por 104 vezes; do Campeonato Brasileiro por 59 vezes; da Copa do Brasil por 17 vezes; e da Libertadores por 14 vezes.

A equipe que o Alvinegro Praiano mais enfrentou foi o Corinthians, sendo 334 jogos. Fora do Estado de São Paulo, Flamengo e Vasco foram os adversários do Peixe em mais ocasiões, sendo 124 vezes cada um.

O maior artilheiro do Santos é Pelé, com 1091 gols feitos. Em segundo lugar aparece Pepe, com 405, e na sequência Coutinho, com 370.